impactos sociais energia solar

Energia Solar Fotovoltaica – Impactos Sociais e Ambientais

30/11/2018

O sistema de energia solar fotovoltaico é o que tem capacidade de geração da energia elétrica partindo de radiação solar. Tal sistema tem composição de modo básico o painel solar, o inversor, o controlador da carga, e a bateria para os casos isolados (off-grid). Na atualidade já representa alternativa ótima no contexto da demanda alta da eletricidade. São muitas as vantagens em usar energia solar nas residências, comércio e indústria, como segue abaixo.

– Energia Sustentável e Renovável

Radiação solar se caracteriza natural fenômeno não poluente e possui vantagem enorme de se mostrar inesgotável. Fabricação de materiais e equipamentos exigidos a montar o sistema fotovoltaico, a incluir painéis solares, é produzida pelos controlados processos industriais, não poluindo o meio ambiente. E por não haver partes em movimento mecânico em sistema ou motores, não existe também poluição sonora. Assim, trata-se de processo para gerar eletricidade, então categorizado de sustentável.

 

– Sistema Modular

O sistema fotovoltaico possibilita adicionar mais painéis solares, se houver necessidade de ampliar a geração elétrica.

 

– Sem Ocupar Espaço Útil

Em projetos residenciais, comerciais e industriais, os painéis solares são normalmente instalados em telhados, bem como em áreas de estacionamento servindo de cobertura aos automóveis.

 

– Manutenção Baixa

Componentes e equipamentos do sistema são de simples tecnologia, então a necessidade em relação à manutenção se mostra mínima e durável, quando se trata da vida útil de componentes. Fabricação de módulos ou placas e de células fotovoltaicas é da tecnologia de maior sofisticação, em especial as células, por causa da produção de silício, na atualidade o mais utilizado, com características apropriadas. Apenas nações que possuem tecnologia de fabricação da célula se resumem fornecedores mundiais.

– Sistemas Isolados

Gerar energia elétrica partindo de radiação solar representa fonte excelente do abastecimento elétrico aos locais remotos ou com acesso difícil quando se fala de rede elétrica tradicional, formando sistemas isolados com uso de baterias.

– Impactos Sociais

O uso dos sistemas de energia solar fotovoltaica nas comunidades isoladas tem representado promissora alternativa em relação ao fator econômico, social e ambiental. Tais comunidades geralmente são formadas pelos moradores de renda baixa ou nível baixo de educação.

Estas pessoas terminam marginalizadas, sem ter informação, e em especial, sem acessar serviços do saneamento básico. Nesse sentido, instalar sistemas de energia solar fotovoltaica transforma a vida destes indivíduos e comunidades.

– Preservando o Meio Ambiente

A energia solar se mostra inteiramente renovável e que não polui, já que não vai emitir gases que são nocivos para camada de ozônio e nem criar resíduos ao planeta, como acontece com combustível fóssil.

Trata-se de inteligente opção aos projetos sustentáveis arquitetônicos e aos indivíduos e empresas que têm preocupação em relação a preservar o meio ambiente. A energia fotovoltaica é considerada fonte limpa e não cria impactos para o meio ambiente e entorno de sua localização.

A mesma dispensa obras enormes da engenharia e intervenção para sua instalação, que poderiam atingir flora e fauna, sem contar a vida em comunidades locais. A construção das barragens, desocupação das áreas, transposições dos rios, se mostram alguns dos negativos impactos mais recorrentes em áreas onde há construção de usinas hidrelétricas grandes. Nada disto ocorre onde há implantação da energia solar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *